Conclusão das Pesquisas

As pesquisas mostram que as tecnologias que viabilizam a prototipagem de novas interfaces estão ficando cada vez mais fáceis, baratas e acessíveis, o que permite que novas interfaces apareçam cada vez mais rápido e que profissionais de campos diferentes da engenharia clássica consigam criar e prototipar suas próprias idéias.
Especialmente após a chegada do Arduíno e 2005, vivemos um momento em que os processos e componentes antes dominados pela Engenharia passaram a ser disponibilizados e distribuídos para a massa da população, fortalecendo o campo de design de interação.

As pesquisas comprovam que existe, em diversos países e laboratórios de estudo, uma tendência na parte do design de interação, de fundir o mundo virtual do mundo real, permitindo uma experiência multisensorial e dimensionalmente potencializada.

Além disso, o conceito de ubiquidade computacional nos desafia a quebrar paradigmas para repensarmos a forma que estamos projetando interfaces, atualmente nos baseando em modelos existentes há décadas.
Alguns modelos de displays volumétricos estão sendo estudados e desenvolvidos ao redor do mundo. Inclusive podemos dizer, baseando-se na pesquisa de similares e teórica apresentada, que existe uma tendência de buscar displays que tangibilizam imagens, trazendo dados digitais para o mundo físico.

Sendo assim, seria coerente afirmar que o Tangima está diretamente conectado e relacionado com tendências do design de interação na nossa sociedade, especialmente no que se refere à prototipagem e experimentação de interfaces tangíveis.

As pesquisas tecnológicas nos mostraram que existem diversas formas, dispositivos, placas e mecanismos diferentes para construirmos o produto final, cada qual com suas vantagens e desvantagens. Também nos provaram que, com os recursos que temos disponíveis, não apenas financeiros, mas de conhecimentos, equipamentos disponibilizados pelo campus da Universidade e até mesmo de capital humano, conseguimos produzir um protótipo funcional dentro do prazo estipulado pela disciplina de projeto final.

Terminamos as pesquisas tecnológicas (que vale ressaltar, se estenderam até praticamente o final do projeto 8, uma vez que cada nova experimentação pode ser considerada uma pesquisa) com a certeza de qual motor e qual mecanismo deveríamos utilizar.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s